Conteúdo 6

6

Procurement // Fornecedores

Afase de procurement para a prototipagem é numa primeira abordagem e, posteriormente para o produto final, determinante na qualidade da materialização da ideia.

Este capítulo incide numa primeira parte sobre fornecedores para a fase de prototipagem e numa segunda sobre fornecedores para a fase de produção.

Prototipagem

A execução de uma ideia em produto e a sua comercialização pode requerer uma enorme diversidade de competências diferentes – do design gráfico para logotipo, website e comunicação; vídeos promocionais; design de produto; electrónica; programação; gestão; divulgação e relações públicas; entre várias outras. Torna-se impossível uma pequena equipa conseguir completar todas estas tarefas. Para resolver esse problema há hoje uma série de fornecedores especializados e plataformas para realizar as mais diversas tarefas.

Prototipagem hardware

Fab Labs. A prototipagem de produtos físicos através de técnicas de fabricação digital está hoje disponível em vários pontos do país através da rede nacional de Laboratórios de Fabricação Digital – Fab Labs. Estes laboratórios têm por norma uma política de abertura à comunidade onde é permitida utilização das máquinas e algum apoio, baseado numa filosofia de colaboração. Habitualmente têm impressoras 3D, máquinas de corte laser, máquina CNC fresadora, cortadora de vinis, estação de solda, entre outros. Para projetos de prototipagem, a utilização das máquinas tende a ser gratuita.

http://www.fablabsportugal.pt/fablabs-activos/

Outros . Há também empresas que oferecem serviços customizados de prototipagem recorrendo também a técnicas de prototipagem rápida.

http://3dlife.pt/

http://ledsandchips.com/

www.weproductise.com

Electrónica

Módulos, componentes e acessórios. O mercado de módulos e acessórios de electrónica para prototipagem (mercado maker) tem sofrido um crescimento exponencial nos últimos anos. Para além do Arduino e RaspberryPi, empresas como a Intel e Samsung também já entraram no mercado com o objectivo de que a prototipagem com os seus componentes leve à sua adoção em produtos acabados.

Existe um número seleto de fabricantes de componentes, placas, módulos e acessórios para prototipagem de electrónica – Sparkfun.com, Adafruit.com, seeedstudio.com, Arduino. Cada um destes oferece uma selecção de materiais similares e atua internacionalmente com uma lista de distribuidores. Existem em Portugal alguns fornecedores, como a ledsandchips.com, a ptrobotics.com, a electrofun.pt ou a botnroll.com.

Produção de placas de circuito impresso para prototipagem. Os primeiros protótipos utilizam geralmente placas como o Arduino, mas o passo seguinte envolve a produção de uma placa de circuito impresso própria. Este é um mercado com uma grande diversidade de opções, onde a geografia é por vezes dos principais factores.

Em Portugal: www.guimocircuito.com

Na Europa: http://www.eurocircuits.com/

Comparativo internacional: http://pcbshopper.com/

Embora a prototipagem de PCBs por fabricantes chineses pareça ser a mais económica, é importante ter em consideração que a sua importação e desalfandegamento acarreta custos e pode acrescer no tempo de entrega.

Sourcing Retalhistas Chineses. Sites como o Aliexpress.com (versão de retalho do Alibaba.com) contêm mais de 100 milhões de produtos de fornecedores chineses em praticamente todas as áreas. É um excelente ponto de partida para conhecer parte da oferta que existe no mercado e os vários componentes de um produto. Regra geral, os vendedores na plataforma são intermediários e não as próprias fábricas. É possível adquirir produtos na plataforma sem custos de envio, com tempos de entrega que podem variar entre os 15 e os 60 dias.

Outsourcing

Muito dificilmente conseguimos colmatar com as nossas competências todas as exigências que surgem nas várias fases de vida da ideia e do produto, por mais que sejamos polivalentes. O recurso a serviços de outsourcing é uma possibilidade real e pode fazer sentido de forma a conseguirmos focarmo-nos nas áreas que dominamos, delegando a outros tarefas onde não temos competências.

Ter recursos limitados não deve ser um entrave à concretização do projeto. Existem empresas e freelancers disponíveis no mercado que podem colmatar de forma eficiente e económica as competências que temos em falta.

Recorrer a outsourcing é estratégia comum entre startups. Algumas das empresas que todos conhecemos e que são hoje powerhouses iniciaram a sua atividade com recurso a desenvolvimento em outsourcing. O Slack e o Skype desenvolveram os seus produtos com a ajuda de fornecedores externos. Hoje são empresas que valem milhões e conquistaram o seu mercado.

Guidelines básicas

Em que situações faz sentido optar pelo outsourcing? Quais são os desafios e riscos associados a esta opção?

O outsourcing na fase de prototipagem poderá ajudar-nos a acelerar o desenvolvimento de produto, trazendo competências e pontos de vista externos. No entanto, quando optamos pelo outsourcing e escolhemos um especialista freelance devemos sempre considerar algumas ideias e preocupações.

A nossa visão para o produto não é a mesma do especialista que contratamos. A gestão de um projecto de outsourcing, habitualmente com freelancers situados noutro ponto do Mundo, tende a ser sempre mais onerosa do que a gestão de trabalho próximo de nós e com quem comunicamos regularmente. As equipas externas não conhecem tão bem o nosso produto, ideia e objetivos como nós e podem até não ter as mesmas referências culturais ou facilidade de comunicação em inglês. Por vezes existe a tentação de acreditar que o briefing será suficiente para dar vida ao produto que imaginamos. Nem sempre corre como o esperado.

Neste processo é útil criar relações de proximidade com vários potenciais fornecedores. O hábito de trabalhar em conjunto ao longo do tempo reduz o custo de gestão e agiliza a execução das tarefas.

Fornecedores

Fiverr.com. É referência online em prestação de serviços. O conceito é simples, qualquer pessoa pode trocar um serviço em troco de remuneração, normalmente tabelada em cinco dólares. Precisa de um voice-over a imitar o Morgan Freeman? De uma ilustração simples? De uma leitura astrológica?

O Fiverr aproxima compradores e fornecedores de serviços. É possível encontrar designers, programadores e outros freelancers a partir de cinco dólares. Estes serviços fazem sentido sobretudo para tarefas miniatura, de execução quase mecânica.

Zaask.com. O Zaask propõe-se a encontrar o profissional indicado para o serviço que procuramos. Desde canalizadores a advogados ou contabilistas, poderá precisar de um, esta plataforma aproxima facilita o contacto. A Zaask apresenta os profissionais de uma determinada área, que poderão ser comparados pelas suas skills e poderemos adquirir os serviços do profissional que nos parece mais indicado.

Freelance.com. Esta plataforma é um ponto de encontro de freelancers a nível global. Nela é possível publicar projectos de design, programação ou outro e esperar que freelancers de todo o mundo concorram oferecendo os seus serviços para execução do projecto. Na plataforma é possível encontrar freelancers de países em todo o Mundo, em muitos casos disponíveis para trabalhar a preços muito competitivos. A comunicação é, no entanto, uma possível barreira a ter em conta.

Outros marketplaces de freelancers incluem: guru.com; elance.com; upwork.com

Assistentes virtuais. Todo o tipo de tarefas rotineiras ou de maior simplicidade é possível delegar a um(a) assistente virtual. Podem ser contratados em sites de outsourcing tradicionais, como os listados acima, ou em sites especializados. Existe a possibilidade de delegar tarefas administrativas simples ou tarefas como preparação de apresentações, produção de conteúdos para blog e redes sociais, entre outros.

Sites

www.yourdailytasks.com

www.taskbullet.com

www.zirtual.com

Consultoras para produção de produtos físicos na China. Consultoras como a Dragon Innovation ou a PCH especializam-se oferecem serviços para responder ao desafio de lançar a produção em massa com produtores chineses. Tratam, por exemplo, da selecção de fábricas de produção e supervisão da própria, oferecendo também serviços de consultoria para assegurar que os produtos estão prontos para produção.

Retalho

http://pt.farnell.com/

http://pt.mouser.com/

http://www.digikey.pt/

http://www.tme.eu/pt/

http://pt.rs-online.com/

Referências

Assistentes virtuais:

Produção de placas de circuito impressas:

Comparativo internacional:

Prototipagem de Hardware:

Newsletter

Receba as novidades no seu email