Compete 2020 destaca o projeto “Magical Industry Tour” pelo seu carácter inovador e empreendedor

O projeto “Magical Industry Tour” pretende promover o espírito empresarial facilitando a criação de empresas inovadoras capazes de atuar no mercado global. É promovido pela Associação Industrial Portuguesa – Câmara de Comércio e Indústria (AIP-CCI).

Newsletter Compete 2020 (16/08/2017)

O projeto “Magical Industry Tour” tem como objetivo estratégico potenciar a criação de novas empresas, capazes de atuar no mercado global e que, em simultâneo, garantam a subida na cadeia de valor das atividades económicas portuguesas.

Os instrumentos para a concretização deste objetivo assentam na disponibilização e sensibilização para o uso de um conjunto de ferramentas digitais que compõem o percurso empreendedor, que se quer mágico, facultando por um lado o acesso livre e universal ao laboratório de fabricação digital móvel, garantindo por outro, a presença em eventos internacionais, para projetar os protótipos criados.

Este objetivo estratégico permite ainda, colaborar ativamente na resposta que Portugal tem que dar quanto à concretização dos desafios da Estratégia 2020 (crescimento inteligente, sustentável e inclusivo), bem como participar nas principais agendas temáticas em torno da inovação e da política industrial, fundamentais para este projeto, que se estrutura por sua vez, nos 5 objetivos estratégicos seguintes:

  1. Conhecer as melhores práticas internacionais da cultura maker

O projeto iniciará com a realização de um exercício de “benchmark” internacional, olhando o exemplo de países mais avançados, e os seus centros de referência, respetivamente:

– Finlândia – está a reformar o sistema de ensino orientando-o para uma cultura de projeto, e será visitado o VTT – Technical Research Centre of Finland Ltd, um laboratório de referência que tem criado ligações entre instituições de investigação finlandesas e empresas de todo o mundo;

– Dinamarca – o governo estimula os seus inventores a procurarem financiamento em sistemas de “crowdfunding“, duplicando os ganhos daqueles que têm sucesso, e serão visitados a Technical University of Danemark e o Fab Lab de Copenhaga;

– Holanda – em que muitos departamentos do Estado trabalham Chief Knowledge Officersque estimulam a criação de novas indústrias, e serão visitadas as universidades de Amsterdão e Delft e o Fab Lab de Amsterdão;

– EUA – no MIT Massachusetts Institute of Technology onde se criaram os novos laboratórios de fabricação (Fab Labs), hoje difundidos globalmente. Será visitado o MIT e o seu ecossistema envolvente em Cambridge.

– Também para Portugal, serão estudadas as entidades que podem apoiar os “makers” e empreendedores na criação de novos produtos, nomeadamente, as principais universidades e institutos politécnicos, laboratórios de fabricação digital e a rede de centros tecnológicos. A perspetiva é identificar sistemas de apoio à prototipagem rápida, elemento essencial no desenvolvimento de um produto.

  1. Acelerar ideias e promover a elaboração de conteúdos aliados à criação de empresas

Serão concebidos instrumentos que permitirão criar o ambiente de trabalho propício à geração de novas ideias de negócio e ao estímulo do pensamento criativo e global, contribuindo para uma maior eficiência do ecossistema empreendedor, que venham a contribuir para um crescimento inteligente, inclusivo e sustentável.

  1. Promover a prototipagem como instrumento de suporte e teste de produtos inovadores

Será realizado um trabalho de sensibilização sobre a importância da prototipagem, – sendo esta determinante para a compreensão do valor do produto -, em colaboração estreita com os diversos laboratórios de prototipagem rápida existentes no país, localizados nos centros tecnológicos pertencentes a instituições do ensino superior, embora não em exclusivo.

  1. Facilitar o conhecimento e utilização de formas de financiamento mais adequadas a startups, particularmente, o crowdfunding que funcionará como teste dos produtos

Na produção dos conteúdos temáticos será criada uma componente específica sobre o financiamento de projetos inovadores de acesso rápido ao mercado global, mas de forma sustentada e testada. Cada empreendedor regional que desenvolva protótipos terá oportunidade de os colocar em plataformas de crowdfunding globais. Como a plataforma kickstarter, dando visibilidade aos mesmos e potenciado a adesão futura de clientes.

  1. Promover o acesso a redes de parceiros nacionais e internacionais

O “Magical Industry Tour” pretende potenciar redes de parceiros já existentes e fomentar outras, estimulando um trabalho colaborativo de grande interação entre todos estes agentes do empreendedorismo, dando a conhecer o projeto, e envolvendo-os nas atividades do Tour.

Como meta deste objetivo, pretende-se celebrar dois protocolos de colaboração com as entidades de cada país visitado e objeto de observação no âmbito do benchmarkinginternacional a realizar: Finlândia, Dinamarca, Holanda e EUA.

Em conclusão são esperados resultados com elevado impacto da implementação do projeto a vários níveis, desde:

– a criação de novas empresas inovadoras, reconhecidas pelo mercado e com potencial à escala global, em setores intensivos em conhecimento e ou tecnologia (em numero de quatro) e em atividades das industrias culturais ou criativas (em numero de quatro);

– a criação de protótipos desenvolvidos por empreendedores regionais, em número de vinte;

– uma nova atitude perante o financiamento de iniciativas inovadoras, por parte do empreendedor para o projeto que pretende iniciar, consciencializando para a utilização do crowdfundig e o capital de risco informal no lançamento de projetos inovador ou para a melhoria/ diferenciação dos produtos já lançados – prevendo-se um total de vinte campanhas de crowdfunding na plataforma de Kickstarter;

– novas e mais dinâmicas formas de trabalho baseadas em parcerias;

– um elevado número de empreendedores envolvidos no projeto através das diversas dinâmicas que serão criadas pelo mesmo – + 100.000 pessoas;

– o efeito catalisador e arrastador da vivência única que irá decorrer da experiência dos empreendedores regionais no processo de prototipagem levado a cabo no tour.

 

Apoio

O projeto “Magical Industry Tour” tem como promotor Associação Industrial Portuguesa – Câmara de Comércio e Indústria (AIP-CCI) e conta com cofinanciamento do Programa COMPETE 2020 no âmbito do Sistema de Incentivos Ações Colectivas (Promoção do Espírito Empresarial), envolvendo um Investimento elegível de 447 mil euros, que resultou num Incentivo FEDER de 380 mil euros.

Newsletter

Receba as novidades no seu email